NOTÍCIAS

Edital de abertura do período para inscrição de candidatos à Cadeira nº 16

02 de julho de 2024

Em atendimento ao Art. 4 do Regimento da Academia Rio-Grandense de Letras, Airton Ortiz, presidente do sodalício, publica o presente edital de abertura do período para inscrição de candidatos à Cadeira 16 da Academia, cujo patrono é o escritor Artur Pinto da Rocha.

São requisitos para a inscrição:

  1. Nascer no Rio Grande do Sul ou residir no Estado há dez anos, no mínimo.
  2. Idoneidade moral e conduta social e associativa ilibadas.
  3. Notabilizar-se por sua obra intelectual.
  4. Disponibilidade de tempo e saúde para participar das atividades da Academia.
  5. Conhecer o Estatuto e o Regimento Interno da Academia (disponível no site arl.org.br).
  6.  Apresentar pedido de ingresso, indicando dados da sua identidade: nome completo, filiação, data de nascimento, profissão, endereço, telefone e e-mail ou similar, além de curriculum vitae, relação dos seus títulos e lista das suas obras publicadas, com respectivas resenhas.

No tocante ao requisito 5, é de particular importância que o candidato conheça os deveres do acadêmico, estabelecidos no Art. 10 do Estatuto. 

No tocante ao requisito 6, cumpre destacar que o pedido de ingresso deve ser encaminhado para e-mail contato@arl.org.br. Na carta, além dos dados acima especificados, o candidato deve manifestar claramente seu desejo de concorrer à eleição para a Cadeira 36 e declarar conhecimento do Estatuto e do Regimento da Academia Rio-Grandense de Letras.

Prazo de inscrições: Até dia 02 de agosto.

Porto Alegre, 02 de julho de 2024.

Airton Ortiz
Presidente

Academia Rio-grandense de Letras

PATRONOS

CADEIRA 39

Francisco Ricardo

(por Francisco Pereira Rodrigues)

Retrospecto histórico:

Em 1º de dezembro de 1901, é fundada a Academia Rio-Grandense de Letras. Em 10 de abril de 1910, é criada a Academia de Letras do Rio Grande do Sul por egressos da Academia Rio-Grandense de Letras.

Em 20 de outubro de 1932, é fundado o Instituto Rio-Grandense de Letras. Entre os seus componentes figura Dario de Bitencourt, que, apaixonado pela literatura de Francisco Ricardo, resolve homenageá-lo como Patrono de sua Cadeira.

Em 1934, João Maia...

continue lendoCONTINUE LENDOcontinue lendo